http?//facebook.com/nalinguadojuoficialhttp://twitter.com/nalinguadoju http://youtube.com/intongue https://br.pinterest.com/nalinguadoju/ https://plus.google.com/u/0/+JulianoSilveira nalinguadoju@gmail.com  http://feeds.feedburner.com/nalinguadoju

Moda, Música e Cultura de Noite: Confira dicas de documentários para curtir no Feriadão!

Curtindo o Feriadão numa boa? Nós também! E para que ele fique ainda mais especial, fizemos uma lista de documentários incríveis para curtir e sem sair de casa. Tem moda, música e cultura de noite! Confira a seguir:



"Dior e Eu" (2014), de Frédéric Tcheng

O documentário mostra imagens de backstage do primeiro desfile assinado por Raf Simons para a Dior, em julho de 2012. O diretor Frédéric Tcheng usa palavras do próprio Christian Dior da década de 1940 para contar a história, o que deixa evidente que a ansiedade que passava em sua época muitas vezes é a mesma de Raf nos dias de hoje. O filme abre espaço para mostrar o nível de profissionalização, dedicação e competência dos profissionais que trabalham com o novo diretor criativo. Também apresenta Raf Simons como um homem reticente, calmo, tímido, concentrado e que não perde o controle — apesar de mostra-lo vulnerável conforme o desfile se aproxima.

Clique aqui e assista "Dior e Eu". 


"The September Issue - Edição de Setembro" (2007), de  R.J. Cutler

Para quem gosta de moda, uma dica imperdível: o documentário "The September Issue" (Edição de Setembro). Rodado em 2007 e produzido pelo diretor R.J. Cutler, "The September Issue" retrata a confecção da clássica edição de setembro de 2007 da revista Vogue América, a maior da história, com 840 páginas. Tradicionalmente a revista traz em setembro as coleções de outono/inverno gringas e é, em geral, a edição mais aguardada e maior do ano, com artigos extensos, fotos bem trabalhadas e muitos anúncios. Mas é claro que no documentário, o foco total é Anna Wintour, editora-chefe da Vogue América há mais de 20 anos, mulher que possui o comando da revista de moda mais influente do mercado.

Com algumas participações de grandes nomes da moda, quem rouba a cena é a editora criativa - e musa - Grace Coddington, única que enfrenta a geniosa editora-chefe. Os conflitos, no entanto, revelam a relação simbiótica das duas profissionais. Outro momento tenso do documentário é justamente a capa da edição com a atriz Sienna Miller. Anna ficou desapontada com as fotos tiradas pelo fotógrafo italiano Mario Testino e, por isso, a equipe teve que compor elementos cenográficos para as últimas imagens a fim de produzir algo satisfatório.

Clique aqui e assista "The September Issue - Edição de Setembro". 


"Iris"(2015), de Albert Maysles

Como surgem os ícones? Como sobrevivem? Quais seus conceitos, motivações e excentricidades? "Iris pode nos dar várias respostas, acompanhando o dia a dia de uma pessoa tão fascinante e egocêntrica que aos 93 anos (na época em que foi rodado o documentário), nos mostra lições sobre estilo e principalmente sobre a vida. E o mais importante: fazer algo que se gosta por prazer e diversão, até mesmo sem grandes expectativas, pautando a simples questão de se aventurar e estar aberto para o novo. Uma filosofia que pode ser uma boa maneira de levar a vida e alcançar certa longevidade e sapiência. 

Hoje, aos 94 anos, a decoradora nova-iorquina Iris Apfel, um dos símbolos do advanced style, não foi e nem é estilista, modelo ou editora de moda, o que não impediu que se tornasse um ícone de estilo, daqueles que carregam informação fashion em cada look que vestem e têm bons quotes sobre a indústria. E uma das participações tão motivadoras quanto a vida de Iris é a de seu marido Carl Apfel, falecido em agosto do ano passado. Os dois foram casados durante 67 anos e o amor partilhado é para servir de exemplo do que é companheirismo, seja na idade que for. 

Corre lá pro Netflix e garanta a sua sessão.



"Truth or Dare - Na Cama com Madonna" (1991), de Alek Keshishian

Um clássico do mundo pop dirigido por Alek Keshishian, o documentário mostra Madonna e sua "Blond Ambition Tour", iniciada em 13 de abril de 1990, passando pela Europa, Japão, Estados Unidos e Canadá. Nos palcos, Madonna canta e dança assumindo seu papel de "deusa do sexo", mulher provocante e chocante. Paralelamente ao show é visto um painel da vida pessoal de Madonna, inclusive seu então namorado Warren Beatty, além de opiniões polêmicas sobre alguns assuntos e o relacionamento com sua família. Nos bastidores, Madonna mostra seu lado "real", fazendo de seus dançarinos uma família, lidando com problemas amorosos e familiares e se divertindo. Tanto nos palcos como nos bastidores aparece sua figura irreverente e marcante. E tem aquela "polêmica" cena de simulação de sexo oral com uma garrafa; aquela que mostra um interesse gigantesco em conhecer Antonio Banderas - casado na época; aquela performance extremamente sexual de "Like a Virgin" e muito mais.

Clique aqui e assista "Truth or Dare - Na Cama com Madonna". 


"Pump Up The Volume – A História da House Music" (2001)

"Pump Up The Volume" é essencial para quem gosta não só de música eletrônica, mas de música em geral. A série de três programas foi exibida em 2001 no Reino Unido pelo Channel 4 e a história é contada por quem fez parte dela: DJs, produtores, empresários e claro, o público das pistas. O especial mostra como a House Music nasceu, originada da Disco Music no começo dos anos 1980 em Chicago e Nova Iorque desde sua origem gay,  negra e underground, até o que ela veio a se tornar: uma das bases para toda a música pop de FM que se ouve por aí até hoje. O documentário aborda também o desenvolvimento do estilo na Inglaterra com as primeiras raves e as mudanças culturais e sociais desencadeadas no país.

Clique aqui e assista "Pump Up The Volume" – A História da House Music"


"The Secret Disco Revolution - The Party That Changed World" (2012), de Jamie Kastner

Na era da discoteca, o documentário traz entrevistas reveladores com os principais cantores e cantoras da disco music. Com entrevistas de grandes gêneros, esse documentário excitante mostra que a discoteca não foi apenas um fenômeno cultural, mas um hino à mudança. Acompanha o surgimento do gênero em 1971 à sua completa decadência em 1976. 

Gloria Gaynor (I Will Survive), Thelma Houston (Don’t Leave me This Way), Donna Summer (Love to Love me Baby), Chic (Good Times) e Village People (Macho Man), são alguns dos nomes de frente da “revolução secreta” (na visão do diretor) que aconteceu nos anos 1970 e, na batida da disco music, ajudou a ‘liberar’ (ao menos nos EUA) gays, latinos, negros e mulheres, num universo até então dominado pelo machismo e pela falta de cintura do rock anglo-saxão. Infelizmente nomes como  ícones de canções de mudanças e protesto – como Marvin Gaye (What’s Going On), Sam Cooke (A Change is Gonna Come) e Bob Dylan (Blowin’ in the Wind) ficam de fora, mas ainda assim é um bom documentário para sentir o que foi e o que representou a disco music na década de 70. 

Clique aqui e assista "The Secret Disco Revolution - The Party That Changed World" 


"Paris Is Burning" (1990), de Jennie Livingston

Documentário filmado em meados dos anos 80 e só finalizado em 1990. "Paris is Burning" é uma crônica sobre a "ball culture" de New York e as minorias culturais que participavam e organizavam este evento: comunidade homossexual latina e afro-americana. Ball Culture foi uma "cena underground" muito específica, onde se misturava desfile de moda com habilidades de dança como o breakstreet, movimentos hieróglifos do Antigo Egito e ginástica olímpica. Todo o fundamento de "Vogue", da Madonna, veio diretamente daí.

Clique aqui e assista "Paris Is Burning".


"RuPaul´s Drag Race - 8ª Temporada"

O reality show de uma das drag queens mais famosas e populares do mundo deu o que falar em sua oitava temporada, resgatando de vez o fundamento da cultura drag na noite. Realizado pela produtora World of Wonder e exibido nos Estados Unidos pelo canal Logo TV, idealizado e apresentado por RuPaul, o programa procura o carisma, singularidade, coragem e talento de uma drag queen, para suceder ao título de "America's Next Drag Superstar". Aqui vai o link para a oitava temporada completa e se na altura do campeonato você ainda não sabe do que falamos, assista e se apaixone!

Clique aqui e assista a oitava temporada de "RuPaul´s Drag Race". 

Bônus: 


"101 Filmes para quem Ama Moda", de Alexandra Farah

A jornalista Alexandra Farah uniu em 2003 a moda e o cinema, em uma mostra de filmes chamada “Filme Fashion“. A partir dela, Farah mostrou quanto essas duas áreas frequentemente se encontram, seja na influência do figurino no mundo fashion, nas vezes em que cineastas falaram de moda em ficção ou documentários, nos momentos em que estilistas assumiram o papel de figurinistas. Depois de uma versão ebook, a Editora SENAI acaba de lançar o livro "101 Filmes para quem Ama Moda" com 272 páginas, trazendo o trabalho de pesquisa da jornalista. Para quem ama moda como a gente, esta é mais que uma ótima dica.

Uma versão ebook pode ser baixada aqui, no 99ebooks. 

RELACIONADAS

MAIS LIDAS