Planeta Fashion | O futurismo minimalista de Sruli Recht


O designer israelita Sruli Recht ficou conhecido no mundo no final de janeiro por criar um anel com fragmento de pele retirada de seu próprio abdômen em performance devidamente documentada que pode ser conferida aqui. Batizada de "Forget Me Knot", a jóia feita de pele humana e que ainda possuía 24 quilates de ouro teve seu preço estipulado por seu criador em torno de R$1 milhão. Excentricidade a parte, Recht que se formou em Design de Moda na Universidade RMIT em Melbourne e que atualmente se encontra sediado em Reykjavík, Islândia, possui uma visão sobre o guarda-roupa masculino projetada em um mix de influências que passam pelo futurismo, cyberpunk, construtivismo russo, design industrial e ficção científica, particularmente a obra de Philip K Dick e Bruce Sterling.

Em junho de 2012, Sruli Recht apresentou sua coleção de Verão 2013 no Palais Brongniart, Paris. Intitulada "Circumsolar - And Fragments Of Dying Light", as criações de estreia do estilista aparecem pontuadas na desconstrução da alfaiataria dando a ideia de extremo conforto através de volumes baseados a partir de uma única modelagem em peças executadas em algodão encerado, couro, seda e pele de cavalo e de cordeiro que vão de casacos, jaquetas personalizadas, cardigans, calças, shorts e leggings arrematados por chapéus, botas, sapatos, bolsas, luvas, óculos solares e claro, joias excêntricas como um anel produzido a partir do meteorito Muonionalusta, que caiu no Círculo Ártico cerca de um milhão de anos atrás. 

Com tantas explicações de influências as criações de Sruli Recht poderiam quase desaparecer em meio a release e excentricidades. Porém, simplificadas em uma imagem de futuro minimalista acabam por se tornar uma interessante e desejada imagem de moda em direção contrária ao que temos por hábito de encarar como essencial ao guarda-roupa masculino.

Assista a seguir a coleção de Verão 2013 de Sruli Recht e inspire-se!




Nenhum comentário:

Postar um comentário